Entrar e sair de casa autonomamente

31 Maio

Foi em 1998 que fui viver para a minha actual casa na Avenida da República, quando o meu pai conseguiu um emprego de Porteiro. Foi a melhor coisa que me poderia ter acontecido. Adoro viver no centro de Lisboa uma vez que tenho acesso a tudo.

ESCADAS para entrar e sair de casa… QUE FAZER? 

Apesar do meu andar ser um R/C, a entrada autónoma em casa era-me impossibilitada pela existência de 5 degraus que lhe davam acesso e, deslocando-me em cadeira de rodas, tive que arranjar uma alternativa a esta situação. Na altura eu, a minha irmã e os meus pais pensámos que a melhor solução seria instalar uma rampa sobre os degraus. DSC04742De facto, esta apresentava-se como a solução mais rápida, no entanto, a menos eficaz porque a rampa ficaria muito inclinada, e eu e a minha irmã não a conseguiríamos subir autonomamente, no entanto, foi a solução mais viável naquele momento. Pedimos ao condomínio autorização para colocar a rampa mas todos os condóminos se recusaram a comparticipar nas despesas envolvidas, tendo assim que ser os meus pais a construir e a colocar a rampa artesanalmente (com madeira como material de base e alcatifa como forro).

RAMPA INCLINADA IMPEDE A TOTAL AUTONOMIA

imagem 8

Com as cadeiras de rodas eléctricas eu e a minha irmã conseguimos descer e subir a rampa autonomamente, mas com as cadeiras manuais estamos sempre dependentes da ajuda de terceiros – familiares, amigos, etc. O irónico da situação é que a rampa agora é útil a todos, visto que é utilizada por várias pessoas no transporte de caixas, correios, transporte de materiais para os andares, uma vez que, é um prédio de escritórios.

Neste momento, pretendemos colocar uma plataforma elevatória, uma ajuda técnica mais eficaz tendo em conta os nossos objectivos, ou seja, entrar e sair de casa autonomamente, e em particular com as cadeiras de rodas manuais (tarefa que nos é impossibilitada neste momento). Para a instalação desta plataforma tivemos que pedir autorização ao condomínio, que no-la concedeu desde que arcássemos com as despesas. Como este tipo de equipamento tem um custo muito elevado (ronda os 7000 euros) acima das nossas possibilidades, para que conseguíssemos pagar a plataforma e a respectiva instalação candidatámo-nos ao apoio/projecto “Acção Qualidade de Vida” da Associação Salvador. Neste momento aguardamos a avaliação da Associação, que decidirá se nos é ou não concedido o apoio.

NOTA:

Projecto Acção Qualidade de Vida – Associação Salvador:

http://www.associacaosalvador.com/os-nossos-projectos/Integracao/Accao-Qualidade-de-Vida/12/

Madalena Brandão

Anúncios

Uma resposta to “Entrar e sair de casa autonomamente”

  1. Bruno Cunha 5 JunhoUTC000 às 141230 #

    Conheço essa entrada. Se não me engano é o prédio do Crisfal.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: