WC´s Acessíveis?! – Parte II

25 Jul

Neste segundo post sobre WC´s acessíveis chamamos a atenção para as normas técnicas de acessibilidade mais relevantes especificadas no decreto-lei 163/2006 de 8 de agosto.

Vamos focalizar-nos e somente nomear as normativas precedidas das seguintes palavras ”…quando for previsível um uso frequente da instalação sanitária por pessoas com mobilidade condicionada…” uma vez que pensamos que TODAS as WC denominadas por acessíveis ou adaptadas se deveriam reger apenas por este princípio.

1. As Portas de acesso

WC adaptada do Ikea, Alfragide

WC adaptada do Ikea, Alfragide

♦ Portas de correr ou de batente,  a abrir para fora!

♦ Possuir uma largura útil mínima de 0,77 m e ter uma altura útil de passagem não inferior a 2 m.

♦ Com puxadores, fechaduras, trincos, etc. que ofereçam uma resistência mínima e que tenham uma forma fácil de agarrar com uma mão, não requerendo uma preensão firme ou rodar o pulso. Estes dispositivos devem estar a uma altura do piso entre 0,8m -1,1 m

♦ Puxadores em forma de maçaneta NÃO devem ser utilizados!!

2. O Espaço interior do WC

2_plantageral_amp_1187799723

♦ Com dimensões não inferiores a 2,2 m x 2,2 m

♦ Onde seja possível inscrever uma zona de manobra para rotação de 360° (para uma cadeira de rodas circular em toda a sua plenitude), sem interferência da porta

3. O Piso

♦ Constituído por um revestimento aderente (na presença de água e humidade); com boas qualidades de secagem e drenagem; e, uma inclinação compreendida entre 0,5%-2% no sentido de escoamento da água

4. As Sanitas

Na WC adaptada do Ikea, Alfragide

Na WC adaptada do Ikea, Alfragide

♦ A altura do piso ao bordo superior do assento da sanita deve ser de 0,45 m, admitindo-se uma tolerância de ±0,01 m

♦ Devem estar rodeada de zonas livres, de um ou ambos os lados e na parte frontal e possuir barras laterais de apoio rebatíveis na vertical e ajustadas à sua altura, que ultrapassem preferencialmente  o bordo frontal desta em cerca de 0,20-0,45 m, e, com capacidade de suportar carga com aproximadamente 150 kg

♦  O suporte para o papel higiénico deve estar acessível a partir da sanita!

♦ Recomenda-se o reforço da fixação da sanita uma vez que esta serve, frequentemente, de ponto de apoio na operação de transferência cadeira de rodas/sanita

5. Os Lavatórios

lavatório da WC adaptada da Câmara Municipal de Lisboa

lavatório da WC adaptada da Câmara Municipal de Lisboa

♦  Devem possuir torneiras do tipo monocomando e de alavanca

♦ Ser instalados de forma a existir um espaço livre sob o lavatório, com uma largura não inferior a 0,7 m, uma altura não inferior a 0,65 m e uma profundidade medida a partir do bordo frontal não inferior a 0,5 m (a imagem ao lado infelizmente não apresenta estas medidas uma vez que tem o sifão nessa área). 

♦  A altura do piso ao bordo superior do lavatório deve ser de 0,8 m (tolerância de ±0,02 m)

♦ Sob o lavatório não devem existir elementos ou superfícies cortantes ou abrasivas

6. Os Espelhos

Numa das WC adaptadas da Universidade Lusíada de Lisboa

Numa das WC adaptadas da Universidade Lusíada de Lisboa

 

♦ Se forem fixos na posição vertical, devem estar colocados com a base inferior da superfície reflectora a uma altura do piso não superior a 0,9 m

♦ Se tiverem inclinação regulável, devem estar colocados com a base inferior da superfície reflectora a uma altura do piso não superior a 1,1 m

♦ O bordo superior da superfície reflectora do espelho deve estar a uma altura do piso não inferior a 1,8 m

7. Os controlos e mecanismos operáveis + acessórios (i.e. maçanetas, torneiras, autoclismo, etc. + saboneteiras, suportes de papel higiénico, etc.)

♦  Devem estar dentro da zona de alcance de uma pessoa em cadeira de rodas a utilizar o aparelho e/ou estacionada numa zona livre

♦ Poder ser manuseados por uma mão fechada, oferecendo uma resistência mínima (≤ 22N), e não requerendo uma preensão firme nem a rotação do pulso

8. Os Controlos de escoamento

♦ Devem ser do tipo alavanca

9. Os Equipamentos de alarme

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

♦  Devem estar ligados ao sistema de alerta para o exterior

♦ Com um disparo de alerta luminoso e sonoro e preparados para serem utilizados com luz e sem luz (com auto-iluminação para serem vistos no escuro)

♦  Podem ser botões de carregar, botões de puxar ou cabos de puxar, sendo os cabos de puxar aqueles que se constituem como melhor prática

♦   Colocados a uma altura do piso compreendida entre 0,4 m e 0,6 m, e de modo a que possam ser alcançados por uma pessoa na posição deitada no chão após uma queda ou por uma pessoa em cadeira de rodas.

Confira, tire dúvidas ou leia mais detalhadamente sobre este tema no guia “Acessibilidade e mobilidade para todos” (2007), presente na secção lateral de documentos do nosso site, ou consultando directamente o decreto-lei 163/2006 de 8 de agosto http://dre.pt/pdf1s/2006/08/15200/56705689.pdf.

NOTA:  Uma infeliz situação que ocorre frequentemente é a inviabilidade de utilização destas WC´s por estarem indevidamente ocupadas com materiais do próprio espaço (e.g. guarda-sóis, mesas e cadeiras do restaurante) !!!

 

Anúncios

4 Respostas to “WC´s Acessíveis?! – Parte II”

  1. Pedro Homem de Gouveia 5 JulhoUTC000 às 140530 #

    Parabéns, está excelente. Muito direto, sintético, claro. As fotos, ilustrações e comentários com recomendações também são muito úteis. Keep up the good work!

    • Filipa Sena Marcos 5 JulhoUTC000 às 140530 #

      Muito obrigada Pedro! 😉

      • Filipa Sena Marcos 5 AbrilUTC000 às 140430 #

        Caro Pedro Caldeira,

        Muito obrigada pelas suas rectificações, que já foram tidas em consideração no nosso texto.

        Com os nosso melhores cumprimentos acessíveis,

        Pela Equipa Lisboa (In)Acessível,

        Filipa Sena Marcos

  2. Pedro Caldeira 5 AbrilUTC000 às 140430 #

    O lavatório acessível da ilustração com a legenda “lavatório da WC adaptada da Câmara Municipal de Lisboa” não apresenta uma zona livre com uma largura não inferior a 70cm, uma altura não inferior a 65cm e uma profundidade medida a partir do bordo frontal não inferior a 50cm (ponto 2.9.13 alínea 3) pois tem o sifão nessa área. E o texto também não está correcto pois estas medidas não são para zona livre de aproximação frontal mas sim para o espaço livre sob o lavatório.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: