Acessibilidade nos Comboios Suburbanos da Grande Lisboa (CP)

12 Fev

Texto de Diogo Martins

Edição de Lisboa (In)Acessível

1781731_10202950345660233_1499378816_n

A CP dispõe de um serviço personalizado, orientado para acompanhar clientes com necessidades especiais (CNE), intitulado por Serviço Integrado de Mobilidade (SIM). No entanto este serviço apresenta diversas restrições.

LINHA DE SINTRA

Estações:

  • As estações são acessíveis por rampa ou elevadores, com falhas ao nível das inclinações destes dispositivos, frequentemente vandalizados.
  • Existem falhas na geolocalização para cegos e também falhas na informação visual para surdos.
  • Nem todas têm piso táctil de alerta à beira das gares, o que consiste num perigo para os cegos.

A linha de Sintra é composta pelos comboios das séries 2300/2400 (Meleças – Oriente, e, Sintra – Alverca)  os comboios da série 3500 (Sintra – Rossio).

CP2300-2400Comboios da série 2300/2400

  • Os mais acessíveis actualmente em Portugal, por isso dispensam a necessidade de marcação com antecedência da viagem, ou de pedir rampas móveis.
  • Rampas embutidas, fáceis de operar e muito rápidas e eficientes.
  • Tem lugar para cadeira de rodas, sem desníveis dentro do comboio, localizado ao lado da rampa, com lugar para acompanhante à frente deste.
  • A localização da rampa está assinalada por cima da porta com o símbolo universal de acessibilidade.
  • Com avisos sonoros e visuais da próxima estação.
  • Sem informação de correspondência com outros transportes.

CP3500

Comboios da série 3500

  • Necessita pedir rampas amovíveis para entrar e sair.
  • O lugar para a cadeira de rodas está no topo de uma rampa com excesso de inclinação, no entanto existe espaço junto às portas para viajar.
  • A localização da porta destinada ao embarque de pessoas em cadeira de rodas está assinalada por cima da porta com o símbolo universal de acessibilidade.
  • Avisos sonoros e visuais da próxima estação.
  • Inclui informação de correspondência com outros transportes.

LINHA DE CASCAIS

Esta é uma linha peculiar, pelo facto de ter vários factores técnicos diferenciados do resto da rede ferroviária, e pela idade avançada dos comboios.

Normalmente é considerada a linha mais acessível em Portugal, o que infelizmente não corresponde à realidade. Esta falsa sensação de acessibilidade é devida a ser a única linha com plataformas de embarque (ou seja rampas que em vez de serem alocadas aos comboios, são fixas ao chão da estação), o que permite um embarque e desembarque para as pessoas com mobilidade reduzida com menor necessidade de apoio. No entanto, estas plataformas não estão presentes em todas as estações, e algumas foram removidas recentemente das estações onde já antes haviam estado instaladas.

A solução das plataformas de embarque não pode ser contudo aplicada noutras linhas, pois é a única a possuir este tipo de comboios, ajustável a estas plataformas.

Estações:

  • Não são uniformes, e por isso nem todas são acessíveis.
  • Há estações que têm condições mínimas de acessibilidade física, mas ainda assim têm graves limitações, como rampas com excesso de inclinação, elevadores desligados, e pisos e acessos inadequados.
  • Ausência de painéis informativos em quase todas as estações.
  • Falhas dos avisos sonoros em algumas estações: nem todos os comboios são anunciados ou o são correctamente.
  • Praticamente nenhuma estação tem piso táctil, nem sistema de geolocalização (sistema que permite obter e visualizar a informação geográfica adaptada a diferentes objetivos em tempo real).

 Esta linha é constituída pelos comboios da série 3150/3250 em seguida são descritos.

CP3150-3250Comboios da série 3150/3250

  • Embarque e desembarque por plataformas instaladas nas gares, não havendo garantia de que as estações com estas plataformas tenham as mesmas instaladas.
  • Não existe sinalização da porta de embarque de cadeira de rodas, sendo esta coincidente com a plataforma instalada na gare, que será sempre no mesmo local em toda as estações, se estas estiverem instaladas.
  • Estes comboios não têm lugar para cadeira de rodas, existindo no entanto espaço junto à porta para suprir esta necessidade.
  • Informação visual e sonora da próxima estação.
  • Sem informação de correspondência entre estações.

LINHA DA AZAMBUJA

Esta linha na verdade não existe, trata-se do nome formal dado ao troço da Linha do Norte entre a Estação de Santa Apolónia e de Azambuja, percorrendo os trajectos Alcântara Terra – Azambuja e Santa Apolónia – Castanheira do Ribatejo.

Estações:

  • A maioria das estações é acessível e moderna, embora haja problemas frequentes com a vandalização dos elevadores, fazendo com que estes sejam desligados até serem reparados.
  • Avisos sonoros em todas as estações.
  • Nem todas as estações têm painéis informativos, nem piso táctil à beira da gare .
  • Sem piso táctil direccional.
  • Sem sistema de geolocalização.

Esta linha utiliza actualmente os comboios da série 2240 e os da série 2300/2400.

 
CP2240

Comboios da série 2240

  • Dois lugares para cadeira de rodas, por comboio.
  • Rampas amovíveis a bordo.
  • WC acessível.
  • Informação visual e sonora da próxima estação.

As automotoras da série 2300/2400 já foram abordadas anteriormente.

LINHA DO SADO

Estações:

  • Estações modernizadas com acessos por elevadores.
  • Avisos sonoros e visuais.
  • Piso táctil à beira das gares mas sem geolocalização.
imagem

Comboios da série 2300/2400

  • De fácil utilização.
  • Não necessitam de marcação prévia da viagem.

Recomendações gerais!!!

Enquanto a CP não conseguir melhorar as condições de acessibilidade às pessoas com necessidades especiais, assegurando-lhes segurança e eficácia e eficiência nos seus serviços, e evitando situações de insegurança e frustração como chegar ao seu destino e “ficar preso dentro do comboio”, ou não poder embarcar porque “algo falha”, será necessário que estas pessoas tomem especial atenção a alguns detalhes importantes.

Tenha em atenção a altura das gares!

As gares baixas originam uma maior inclinação entre a gare e os comboios, e, por isso, uma maior inclinação das rampas de acesso ao comboio, impedindo um acesso autónomo a muitos passageiros, como os utilizadores de cadeiras de rodas manuais, sendo necessária a instalação de plataformas elevatórias. Um exemplo desta situação é o verificado em Santa Apolónia, onde as linhas 1 a 3 e 5 são baixas, embora essa estação também tenha casos de linhas altas, como as 6 e 7.

Estação da Gare do Oriente possui gares mais baixas do que o normal, estão a 700mm da linha ao contrário das restantes que estão a 900mm, por isso verifique se poderá lidar com a inclinação acrescentada neste apeadeiro.

Repare se o comboio é mesmo acessível!

Neste artigo foram apenas incluídas imagens relacionadas com os comboios abordados, assim, só os comboios com a pintura específica da imagem é que possuem as características atrás descritas. Podem ainda existir outros que não têm por exemplo as rampas conforme a descrição por não terem sido renovados, embora seja pouco provável.

Teste a viagem ou a linha que deseja usar, antes de a utilizar no seu dia-a-dia!

Assim poderá ficar mais familiarizado com o que irá encontrar e evitar “surpresas” desagradáveis.

Procure verificar com antecedência o acesso às bilheteiras ou máquinas de venda automática, a altura das gares e outros detalhes que ache necessários às suas necessidades específicas.

Em caso de dúvidas sobre as acessibilidades contacte o serviço SIM da CP, embora realce que pode prescindir da marcação (obrigatória) da viagem ou do acompanhamento no transporte.

Nota:

  • A actual organização dos comboios é temporária, por esse motivo assim que voltar ao normal o artigo será actualizado para correspondência correcta dos comboios com as linhas. Portanto, a linha de Sintra é composta pelos comboios das séries 2300/2400 (Meleças – Oriente, Sintra – Rossio ) os comboios da série 3500 (Sintra – Alverca).
  • As estações não são responsabilidade da CP, são da REFER. A CP apenas é responsável pelos comboios, assim, quando necessitar de realizar reclamações considere esta informação.
Anúncios

3 Respostas to “Acessibilidade nos Comboios Suburbanos da Grande Lisboa (CP)”

  1. Pedro Peixoto 5 FevereiroUTC000 às 141030 #

    Faço este comentário apenas para efectuar duas pequenas correcções. Onde menciona “A linha de Sintra é composta pelos comboios das séries 2300/2400 (Meleças – Oriente, e, Sintra – Alverca) os comboios da série 3500 (Sintra – Rossio).”, deveria ser:
    A linha de Sintra é composta pelos comboios das séries 2300/2400 (Meleças – Oriente, Sintra – Rossio ) os comboios da série 3500 (Sintra – Alverca).
    A distribuição, tal como a refere, é temporária desde Nov/13 e deve-se ao excessivo numero de unidades 2300/2400 encostadas com problemas nos rodados. A outra distribuição é a que se encontra em vigor à já vários anos.

    No que diz respeito à Linha da Azambuja, a serie 2240 também anda por aqui por empréstimo e devido à razão anteriormente apresentada.

    • Madalena Brandão 5 FevereiroUTC000 às 141130 #

      Caro Pedro Peixoto
      Agradecemos o seu alerta, e vamos colocar essa informação que é importante.
      Equipa Lisboa (In)Acessível

    • Alvarense 5 SetembroUTC000 às 140430 #

      Peço desculpa se estou a pegar num post antigo, mas a linha de Azambuja atualmente opera com as 2300/2400 (a maioria no percurso Santa Apolónia – Azambuja) e as 3500 (a maioria no percurso Alcântara Terra – Castanheira do Ribatejo). O mesmo se verifica na linha de Sintra, com as 2300/2400 a operarem maioritariamente no percurso Sintra – Rossio, Meleças – Rossio, Sintra – Oriente e Sintra – Alverca (embora por vezes haja uma 3500 que termina o turno da manhã em Alverca). Por vezes também há 3500 nos percursos Sintra – Oriente e Meleças – Rossio. Desde julho de 2013 que só circulam 2240 na linha do Sado.

      Ainda assim, bom artigo! 😉 Continuem o bom trabalho realizado até agora.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: