Apoiar a selecção nacional!

4 Jun

montagem 1

No passado dia 31 de Maio, a M. e a F. foram assistir a um jogo de preparação para o Mundial de Futebol´2014, entre Portugal e a Grécia, no Estádio Nacional do Jamor. A M. responsabilizou-se imediatamente por comprar o bilhete para o jogo, porque sabia que como é uma pessoa com mobilidade reduzida (PMR) podia comprar o bilhete por 10€, e levar um acompanhante a custo zero. Para efectuar esta compra teve que enviar antecipadamente um email para o contacto geral da Federação Portuguesa de Futebol (FPF), info@fpf.pt, indicando o seu nome e email, e esperar em seguida pela confirmação dos bilhetes, uma vez que existe um número limitado de lugares reservados a PMR no Estádio Nacional. A FPF respondeu-lhe através do email bilhetes@fpf.pt, confirmando a reserva de dois bilhetes, pedindo-lhe que enviasse o Atestado de Incapacidade, que comprova que é uma PMR, e perguntando se precisava de lugar de estacionamento para o carro.

Os bilhetes poderiam ser levantados e pagos no dia anterior ou no dia do jogo nas bilheteiras do Estádio Nacional. Se a M. não fosse uma PMR poderia comprar o bilhete de forma directa e imediata via online através do site da FPF, ou presencialmente nos balcões de assistência ao cliente do Continente (que não vende bilhetes para PMR!).

Assim, simultaneamente em forma de contestação e sugestão, perguntamos à FPF: 

«Será possível num futuro próximo venderem os bilhetes para as PMR na vossa bilheteira online e nos balcões do Continente?»

O vosso site poderia possuir a faculdade de indicar o número total de bilhetes destinados a PMR, bem como o número de bilhetes disponíveis conforme as vendas efectuadas e, o Atestado de Incapacidade poderia ser anexado directamente no acto da compra, sem necessidade da troca sucessiva de emails e da ansiedade gerada pela não garantia antecipada de bilhete, devido ao número limitado de lugares reservados a PMR.

A M. e a F. foram para o Estádio Nacional no carro da M., guiado sempre pela própria, e dirigiram-se para o parque de estacionamento previamente indicado pela FPF, junto às piscinas do Jamor, depois de a M. indicar aos polícias de trânsito e a uma voluntária da federação a sua prioridade como PMR e o seu nome constante da lista de PMR com direito a estacionamento reservado para o efeito. Depois de o carro estar estacionado, a M. e a F. encaminharam-se para um autocarro adaptado que a empresa Accessible Portugal disponibilizou à FPF para levar os adeptos com mobilidade reduzida e respectivos acompanhantes, desde as piscinas do Jamor até ao estádio (http://www.acessibleportugal.com).

Durante este trajecto um responsável e uma voluntária da FPF acompanharam as PMR no autocarro, e se assim o necessitassem no processo de levantamento e pagamento dos bilhetes, bem como no transporte das pessoas desde as bilheteiras até ao estádio. A M. e a F. decidiram ir levantar os bilhetes e dirigir-se para o estádio autonomamente. Na fila de acesso à bilheteira, um casal gentilmente alertou para o facto da M. ter prioridade na fila e assim, deixaram passar à sua frente e pediram às outras pessoas na dianteira para fazer o mesmo. Com os bilhetes na mão dirigiram-se à entrada prioritária das PMR e dos VIP´s indicada por um polícia, e entraram no estádio onde observaram a existência de rampas de acesso à zona reservada a PMR e seus acompanhantes, bem construídas e, uma WC portátil adaptada  (de maiores dimensões que as restantes, não adaptadas). Verdade seja dita que as rampas com que primeiro se depararam foram as colocadas à sua esquerda, de difícil acesso, mas depois de uma observação mais cuidada perceberam que as rampas de acesso preferencial eram as colocadas à sua direita.

montagem 2 - imagem 3

A zona reservada a PMR é localizada na primeira fila do estádio, a mais próxima do campo, do lado contrário à tribuna principal, e é constituída por um estrado de madeira suficientemente comprido e largo para ser ocupado e permitir a movimentação de umas 15 pessoas com mobilidade reduzida e seus acompanhantes, e algumas cadeiras amovíveis dispostas em fila para quem delas necessitar de usufruir. Tal como a maior parte das bancadas do estádio, esta zona não tem cobertura protectora das intempéries da chuva, vento ou sol forte, assim, a primeira parte do jogo foi assistida com sérias dificuldades de visibilidade ocasionadas pela coincidência com o horário do pôr do sol. Esta inquietação com a falta de visibilidade foi um pouco acalmada quando a organização ofereceu uma garrafa de água a cada adepto presente naquela zona.

montagem 3 - ultima imagem

Apesar de ter sido um fraco desafio de futebol, valeu  a pena pelo convívio e pela constatação da existência de condições favoráveis de acessibilidade para as PMR no Estádio Nacional.

 

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: